Quarta-feira, 11 de Abril de 2007

Gabinetes...



Há gabinetes e gabinetes. Alguns são autênticas caixas de fósforos, outros são um exagero que até fazem eco. Alguns têm janelas, para o lado certo e outros para o lado errado…

 

O meu presente gabinete, que tenho de dividir com um colega, é parecido com uma jaula de jardim zoológico… é que apesar de pequeno para nós dois, tem uma janela para… o corredor!

 

Logo, tudo o que passa por ali, tem uma tendência enorme para olhar pela janela e ver os ‘animaizinhos’ a trabalharem, quais mouros do suor. Para ser perfeito, só falta o aviso na janela (no canto superior direito): “Por favor, não alimente os bichos”…

 

Claro que haveria de haver sempre alguém que haveria de tentar dar alguns amendoins ou algum pão duro, talvez pela porta… Mas é uma sensação horrorosa. Temos a tendência de ver quem passa e eles têm a tendência de nos atirar com alguns amendoins…

 

Mas ainda há pior. Ainda por aqui, o ar – condicionado é partilhado pelas jaulas, perdão, gabinetes e pelo corredor… logo, no corredor está fresco e nos gabinetes, dá-se a perspectiva do que é o verão no Brasil…

 

Eu gosto de estar no quentinho, mas não gosto de transpirar no trabalho, principalmente porque a minha actividade é ao computador, numa secretária, todo o dia! Suar, porque escrevo textos e porque envio ficheiros e etc., não é propriamente o que mais gosto…

 

Existem depois, os gabinetes grandes, onde estão a trabalhar 15 ou 16 pessoas, todas subjugadas a quem controla os estores da janela (essa sim, dá para a rua, para uma bela paisagem de telhados de zinco sem fim…). Já para não falar de quem controla o ar – condicionado dessa sala, que é uma maníaco – depressiva do frio e do gelo (mesmo com 40º à sombra, é capaz de sentir frio…

 

Depois existem os gabinetes… vazios! Sim, os que estão vazios e não têm ninguém, mas que não se pode por lá ninguém, talvez equilibrando as pessoas nos gabinetes, porque vá-se-lá-saber-porquê!

 

Alguns têm estores, outros têm televisão, outros têm demasiada população…

 

Noutros lugares, existem os gabinetes que de tão pequenos que são, ou se entra já de ‘marcha-atrás’, ou então não dá para dar a volta e sair… Ou então não têm janelas, não têm portas, ou as paredes estão malfeitas e fazendo paredes meias com o WC, obviamente ouve-se tudo e mais alguma coisa… desagradável…

 

Mas também existem os bons gabinetes… os que têm umas janelas agradáveis, com uma vista razoável, bem equipados, sem luxos ou exageros, sem serem excessivamente grandes e invejados ou desejados por todos…

 

É isto. É uma alegria… ou então não!

Hoje estou: "Não alimentem os Bichos"
Tags Silenciosas...: , ,

publicado por Jv às 09:00
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Candida RB a 11 de Abril de 2007 às 18:33
...andava eu a passear pelos hi5's e vim parar aqui! :):):) já está adicionado aos favoritos!!

Cumpts!!!

CRB Amadora



De ticha a 12 de Abril de 2007 às 19:15
LLLLOOOOOOOOLLLL

"Já para não falar de quem controla o ar – condicionado dessa sala, que é uma maníaco – depressiva do frio e do gelo (mesmo com 40º à sombra, é capaz de sentir frio"

SEREI EU UMA MANÍACA DEPRESSIVA DO FRIO???

LLLLLLOOOOLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL

Este post tá excelente!! O joca da Ana chama aos gabinetes tipo o teu, "aquários".... mas jaula de jardim zoologico e "não alimente os animaizinhos" tá excelente!!

LLLOOOOOOOOOOLLLL


Comentar post

Setembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


O Grande silêncio...

rbobson@sapo.pt

Tags Silenciosas...

todas as tags

Falou e disse...

Silêncios arquivados

Visitantes Silenciados...

Pesquisa neste silêncio

 

links Silenciosos

subscrever feeds