Quarta-feira, 26 de Dezembro de 2007

Para...

Para os que eu amo,

para aqueles de quem eu gosto muito,

para aqueles de quem eu gosto,

para os que eu ainda não gosto mas que me vou esforçar para gostar.

Para os do meu clube,

para os dos outros clubes, incluindo aqueles que são do clube que eu não gosto e que não me vou esforçar por gostar,

para aqueles que me enviam e-mails matinais insultando o meu clube!!

Para os que são meus colegas e companheiros de esforço,

para os que são meus colegas de sobrevivência.

Para aqueles que me compreendem,

para os que ainda não me compreendem mas que eu acredito que também eles farão um esforço para me compreender,

para os que gostariam de me compreender.

Para os que lêem muito,

para os que não lêem nada,

para aqueles que não lêem o mesmo que eu, mas que eu adorava que lessem algumas coisas que eu li.

Para aqueles a quem nem sequer falei durante um ano inteiro mas que

acreditam que eu me lembro deles,

para os que já me esqueceram.

Para os que me ajudam a viver dias bonitos,

para os que me ajudam, às vezes apenas com uma palavra, a superar os dias agrestes.

Para todos e cada um de vós, escolhidos e pensados para receberem este texto, eu desejo-vos tudo de bom e ainda mais alguma coisa.

 

(Recebi isto por e-mail e gostei. Publico. Abraço)

Tags Silenciosas...: , , ,

publicado por Jv às 09:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |
Quarta-feira, 18 de Abril de 2007

A (des)importância do e-mail...

"Eu mando-te um mail". "Ok, pode ser, mas envie-me isso por mail".


O e-mail, é uma excelente ferramenta web criada para facilitar a comunicação, transmissão de dados, troca de informação e de ficheiros.

Mas geralmente, é mal usado, abusado e desvirtualizado. O próprio Ser humano tem o péssimo hábito de abusar, ou de usar incorretamente as ferramentas da 'aldeia global'.

Nos dias de hoje, fazemos tudo por mail: trabalhamos, enviamos piadas, perpetuamos correntes de e-mails, etc..

Chegamos ao cumulo de perguntar ao colega do lado se quer ir beber um café, mas tudo por... e-mail!

Cheguei a ouvir falar de despedimentos por e-mail...

A ideia não era essa. Mas nós temos sempre a mania de desvirtualizar tudo e mais alguma coisa, de transformar tudo o que foi criado como boa ideia, em ideia de trampa.

Alguém dizia: "Tudo foi criado com um propósito perfeito, até ser entregue ao homem..."

E sexo por e-mail... já pensaram?
Hoje estou: "You have mail"...
Tags Silenciosas...: ,

publicado por Jv às 09:00
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
 O que é? |

Setembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


O Grande silêncio...

rbobson@sapo.pt

Tags Silenciosas...

todas as tags

Falou e disse...

Silêncios arquivados

Visitantes Silenciados...

Pesquisa neste silêncio

 

links Silenciosos

subscrever feeds