Quinta-feira, 19 de Julho de 2007

Fotos & Paisagens #6

 

Mar…

Infindável abismo que me rodeias,

Que me controlas a vida,

Que me seguras com tuas correias.

Falo-te, nadando em ti, marcando a minha sina,

Respondes-me, com tuas ondas, com teus segredos,

Respondes-me, com tuas marés, teus amores,

Sem preocupações, sem censuras, sem medos.

Escondes tristezas, frustrações, horrores,

Recebes e ouves toda a gente,

Alegras a luz que nos flameja,

Deixas tudo e todos contentes.

Não sabendo o que se deseja,

Transportas-nos, levas-nos além,

E umas vezes cantando

(Não consolas ninguém),

Outras vezes chorando.

Mar, pranto de obscuridade, recebe-nos,

Não me olhes como mendigo,

E, na tua ingenuidade, protege-nos,

E faz-me sonhar aquilo que eu teria sido.

Mar…

 

“Mar”

07/04/97   Rbobson

 

Tags Silenciosas...: ,

publicado por Jv às 10:00
link do post | comentar | favorito
 O que é? |

Setembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


O Grande silêncio...

rbobson@sapo.pt

Tags Silenciosas...

todas as tags

Falou e disse...

Silêncios arquivados

Visitantes Silenciados...

Pesquisa neste silêncio

 

links Silenciosos

subscrever feeds