Sexta-feira, 23 de Março de 2007

Rir :D

Sorri e ri sempre. A alegria da alma é a essência da vida!”


Rir… é a melhor forma de me descrever, pois é algo que me marca. Posso ser feio como a ‘bota da tropa’ e por vezes, em dias de Inverno, ser confundido com o Sr. Abominável, mas há algo na minha cara de muito genuíno, sincero e lindo: o meu sorriso.

 

O problema é a gargalhada, tipo buzina de calhambeque, a fazer lembrar o Manuel Serrão…

 

Eu nasci em 1979, no mês de Junho no dia 22. Dizem que foi um bom ano, afinal de contas o Sporting foi campeão nacional nesse ano.

 

Conta-se que as águas rebentaram à minha Mãe com ela a rir a bandeiras despregadas (ou como diria a minha saudosa avó – a rir os 3 farrapos!).

 

Sempre gostei de rir e é a coisa mais natural no meu corpo depois de respirar e engordar…

 

Conta-se (porque eu não me recordo) que na primeira vez que me enfrasquei ri que nem um… bêbado a noite toda. Ria por tudo e por nada.

 

Ao presidir a uma cerimónia fúnebre, já consegui pôr toda a gente a rir.

 

Uma vez, enquanto apresentava um programa de TV, tive de o terminar mais cedo porque estava a sofrer de um ataque de… riso incontrolável!

 

Uma vez numa aula, a propósito de uma ‘gaffe’ da professora, quase me urinava pelas pernas abaixo de tanto rir…

 

Muitos me fazem sorrir, mas rir a sério só alguns e é pela genialidade com que o fazem.

 

Quando estou nervoso… não consigo rir. Mas depois dá-me autênticos ataques de riso.

 

Quando fui ver o filme ‘Titanic’ pela 3.ª vez, a convite de uma amiga, na parte final ri que nem um psicopata…

 

A primeira coisa que fiz quando vi o Miklos Fehér no chão foi rir… mas depois arrependi-me.

 

Não costumo deixar escapar uma ‘gaffe’ de ninguém, por mais pequena que seja.

 

Uma vez num certo Centro Comercial da Zona de Cascais, na área das mesas de restauração, ri tão alto que até pararam a música ambiente para ver o que se passava…

 

Costumo assustar, quem não me conhece, com a minha gargalhada… mas depois de umas 10 ou 15 vezes, a pessoa habitua-se…

 

E é isto.

 

Se sou normal? Não! Sou especial. Todos o somos. Cada um à sua maneira.


“ … Obrigado por, com a tua gargalhada, ajudares a recordar aos humanos o que é o sentido de humor…” (Carla Sales)

Hoje estou: Ai, ai, que até me babo...
Tags Silenciosas...: , ,

publicado por Jv às 08:46
link do post | comentar | favorito
 O que é? |
2 comentários:
De rititas a 23 de Março de 2007 às 09:51
É verdade, eu comprovo. Mesmo na EBM as tuas aulas eram uma comédia, mas depois tinhas sempre o lado mais sério e é isso que te dá autenticidade!
bjs! (cheguei aqui pelo blog da tisha)
rita


De Zakarella a 24 de Março de 2007 às 16:47
O tão famoso
LOLOLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL

Eu atesto a veracidade deste post! Aliás, não seja eu uma gargalhadeira por natureza, confesso que a tua gargalhada se encontra no top das gargalhadas... és o rei da gargalhada e já te vi várias vezes a chorar da gargalhada... a sufocares da gargalhada, a parares as conversas com a gargalhada e a provocares gargalhadas ao pessoal mesmo que não tenha ouvido o motivo da gargalhada original, a tua!


Comentar post

Setembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


O Grande silêncio...

rbobson@sapo.pt

Tags Silenciosas...

todas as tags

Falou e disse...

Silêncios arquivados

Visitantes Silenciados...

Pesquisa neste silêncio

 

links Silenciosos

subscrever feeds